Home / Dicas e Tutoriais / Gerencie os Processos, Serviços, Limpe e Otimize o seu Linux com o Stacer

Gerencie os Processos, Serviços, Limpe e Otimize o seu Linux com o Stacer

Olá galera, tudo em riba?

Gerenciar bem um sistema operacional é um talento de poucos. Isso exige análise, organização e controle de serviços e processos. Um bom usuário com um nível de administrador de seu sistema sempre fará isso ao usar seu sistema, seja ele Linux, Android, Apple ou Windows.

O usuário normal apenas usa o sistema, e quando vê, fica sem espaço de armazenamento interno disponível, não sabe onde estão seus arquivos, ou o que tem lá baixado, que aplicativos e serviços iniciam com o sistema, quais apps não usa mais e poderia remover, nem o que está consumindo demais os recursos de hardware, e o que está gerando muito arquivo residual como temporários e cache. Isso porque ele é um “usuário”, ou seja, só usa.

Já os administradores, além de usarem sempre mantém seu sistema organizado e redondo, ou seja, otimizado e organizado. E os admins fazem isso muitas vezes usando diversos recursos presentes no próprio sistema operacional, mas hoje mostrarei uma ferramenta que de forma gráfica une diversos ajustes de otimização e verificação em um app só. Trata-se do Stacer.

Instalação

Basta baixar e instalar a última versão.

O site é o https://sourceforge.net/projects/stacer/

Lá tem pacotes do tipo:
* Deb (Debian, Ubuntu e derivados),
* RPM, (para Fedora, CentOS, SUSE/openSUSE e derivados).
* AppImage (funciona em todos).

Baixou, deu 2 cliques e instalou. Pronto!

Obs. Dependendo do seu sistema, ao dar 2 cliques, o instalador acionado poderá ser a sua Central de Programas, ou o Instalador de pacotes GDebi.

Instalando Via Terminal (para quem prefere)

Se quiser instalar via terminal, basta ir até a pasta onde baixou o programa e executar os comandos substituindo o nome do pacote no final do comando pelo nome extado do pacote que você baixou:

No Debian, Ubuntu e derivados:

sudo dpkg -i stacer.deb

No Fedora, CentOS, e etc:

sudo yum localinstall stacer.rpm

No SUSE ou openSUSE:

sudo zypper install stacer.rpm

Na maioria das distros que usam pacotes RPM:

sudo rpm -i stacer.rpm

Usando o Stacer

Para usar o Stacer basta navegar no menu do lado esquerdo do app estre os itens disponíveis.

1 – Visão Geral

Aqui você verá os dados do sistema, uso de CPU, Disco e Rede.

2 – Itens de Inicialização.

Use para ver o que inicia junto com o sistema, habilitar/desabilitar.

3 – Limpeza

Limpando Caches. Clique na lupa para analisar.

Selecione os itens analisados clicando neles e clique no ícone da vassoura para limpar.

4 – Serviços

Use para ver os serviços ativos em seu Linux e desabilitar algum que desejar. Recomendado para admins ou usuários avançados que saibam o que faz cada serviço e porque mantê-lo ou desabilitá-lo.

5 – Processos

Use para ver processos ativos e para matar processos que deseja.

6 – Uninstaller

Mostra programas instalados. Pode ser usado para desinstalar programas, mas eu não recomendo.

7 – Recursos

Use para ver os dados de uso de hardware mais detalhadamente e com histórico.

8 – Apt Repository Manager

Usado (em sistemas baseados em Debian), para ver e gerenciar seus repositórios. Recursos excelente para adicionar, remover, ativar e desativar repositórios.

9 – Configurações

Usado para definir a Lingagem, Tema, Discos a serem monitorados, Página inicial e criar alertas para quando a CPU, Memória, ou Discos alcançarem níveis preocupantes.

Conclusão

O Stacer realmente se mostra uma ferramenta muito útil para manter seu sistema funcionando bem.

É isso aí pessoal,

Cleuber

About cleuberadmin

Cleuber Silva Hashimoto. Administrador

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

x

Check Also

Checando a Previsão do Tempo Usando Apenas o Terminal no Linux

Hoje uma dica simples, de como ...